1 de jul de 2010

Fundadora da Daspu - Recado para Kaká

.......................Gabriela Leite, fundadora da Daspu, não gostou da campanha contra a prostituição apoioada pelo jogador Kaká contra a prostituição. Gabriela criticou o lema da campanha e reafirmou qual é a função de uma prostituta.
.......................Prostitutas não se vendem, Kaká. São especialistas em fantasias. Aproveitando o embalo, a presidente da associação pediu para que o jogador comprasse a nova camiseta da Daspu, com o lema: "Homens de verdade respeitam prostitutas".
(Clique para Ampliar)
.......................A campanha de Kutcher contra a prostituição começou no início de junho, quando o ator mostrou um cartaz com o lema na festa de lançamento de seu novo filme, Killers, em Los Angeles. Kaká havia postado, também no Twitter, uma foto em apoio ao movimento "Real Men Don't Buy Girls" (Homens de verdade não compram mulheres), iniciado pelo marido de Demi Moore.
.......................Gabriela Leite é ex-prostituta e terá sua vida contada no cinema. A produção deve chegar às telonas ainda em 2010 e terá como protagonista a atriz Vanessa Giácomo, na pele da fundadora da grife Daspu.
.......................Gabriela Leite lançou um livro chamado: FILHA, MAE, AVÓ E PUTA. No livro, ela conta sua trajetória, que culminou com a criação da famosa marca de roupas Daspu e da Ong DaVida, símbolos hoje reconhecidos internacionalmente. A autora fala nesta autobiografia de todos os tabus que povoam e aguçam a curiosidade do imaginário coletivo em torno da rotina das prostitutas abordado pela autora com absoluta naturalidade. Mãe de duas mulheres e avó de uma menina, Gabriela fala também sobre suas relações familiares.
.......................Gabriela Silva Leite é uma socióloga e ex-prostituta da Boca do Lixo em São Paulo e da Vila Mimosa, no Rio de Janeiro, é socióloga formada pela Universidade de São Paulo, que começou a cursar em 1969. É fundadora da ONG Davida, que defende os direitos das prostitutas, a regulamentação da profissão e é contra a idéia de vitimização, de tratar a prostituição apenas como falta de opção para mulheres em situação de pobreza.
.......................Idealizadora da grife Daspu, desenvolvida por prostitutas, e cujo nome é uma provocação à Daslu, a maior loja de artigos de luxo do Brasil, pertencente à empresária Eliana Tranchesi.

CONHEÇA O SITE DA DASPU AQUI.
(Site com Música Provocantes)

Fonte: Wikipedia

Nenhum comentário:

Ocioso Links Interessantes

Visite e Compartlhe a Fanpage