28 de jun de 2011

Propaganda - Humor para Seduzir e Vender

...............................O principal objetivo de uma propaganda é chamar atenção para o produto. É óbvio que, para a maioria, quanto mais engraçada, mais sucesso faz. O humor na propaganda quando bem usado é um ponto a favor, mas tem que se tomar cuidado, pois quando exagerado, caí no mau gosto, desrespeito e em alguns casos, até discriminação.

...............................O bom humor sempre esteve ligado à propaganda nos comerciais de TV, rádio e mesmo nos impressos. Os criativos das agências quase sempre são bem humorados e conseguem ter sacadas geniais que nos fazem rir e querer ver novamente a propaganda, esquecendo que o propósito daqueles comerciais não é exatamente entreter e sim vender.

...............................Muitas propagandas estão usando humoristas da atualidade para divulgar automóveis, operadoras de telefonia e refrigerantes, isso porque do humor alivia a incômoda interrupção da propaganda para a venda de algo. Atualmente a disputa pela atenção das pessoas se tornou agressiva e elas ficam entediadas com uma rapidez incrível, então adicionar um pouco de humor à propaganda é o ideal.

...............................Nem toda propaganda de humor é entendida como engraçada. Antes de se produzir a propaganda, deve-se ter noção do impacto de determinada piada ou situação na percepção das pessoas. Uma piada de mal gosto que use de humor negro, que ataque a grupos sociais ou que tenha duplo sentido de cunho ofensivo pode surtir o efeito inverso e tornar-se um fail, um case viral de insucesso sobre o qual todos, especialistas ou não, vão adorar tripudiar. Isso é péssimo para a marca.

...............................Vemos que a publicidade cria conceitos, constrói e destrói mitos, propaga ideologias e informações, mantém o mundo capitalista atual, estimula o consumidor e seduz seu desejo de compra. Desta forma, pode-se claramente pressupor que a publicidade usa aspectos cotidianos para fazer com que o consumidor se sinta representado no anúncio.

...............................A publicidade tem o poder de criar tendências, conceitos e mudar o comportamento de certos grupos sociais, usando o seu discurso persuasivo.Porém, a publicidade não tem o poder de fazer isso sozinha e, por isso, usa aspectos da realidade social em seus anúncios.

...............................O humor é uma forma criativa de descobrir, revelar e analisar criticamente o homem e a vida. È uma forma de desmontar, através da imaginação, um falso equilíbrio anteriormente sustentado pela própria imaginação. Seu compromisso com o riso está na alegria que ele provoca pela descoberta da verdade. Não é a verdade em si que é engraçada. Engraçada é a maneira com que o humor nos faz chegar a ela. O humor é um caminho.

...............................Veja abaixo 20 exemplos de peças publicitárias e tente achar o relação do tema proposto levando em conta o bom humor das peças. Não é tão difícil assim, basta saber qual ou produto ou serviço oferecidos pelas agências.

(Clique na Imagem para Ampliar)
.




















Texto Relacionados: Gabriel Galvão (Ponto.Marketing) / Fábio Augusto Pexe (F.Manhas)

Nenhum comentário:

Ocioso Links Interessantes

Visite e Compartlhe a Fanpage