24 de mar de 2011

Redes Sociais e Comportamento Humano

.....................Rastros! Isso é o que deixamos em quase todos os lugares por onde passamos na internet. Não é de hoje que empresas bem conectadas buscam por informações, a respeito do comportamento dos navegantes da grande rede, objetivando focar suas ações de marketing e campanhas promocionais, baseado nos dados analisados através dos rastros que deixamos.
.....................Mais uma vez, são os nossos rastros que, deixados de forma expontâneas em redes sociais, por exemplo, que permitirão medir, avaliar e pesquisar como as pessoas se comportam em meio a interação, socialização e o peso da sua influência em produtos, marcas, forma de consumo, desejos.
.....................Se levarmos em consideração que, normalmente, milhões de pessoas publicam seus desejos, interesses, hábitos, gostos, imagens, preferências pessoais, rede de amigos e até mesmo seu humor nas redes sociais. Se observarmos que os celulares integrados às aplicações sociais de localização, deixam pistas de nossas rotas, lugares frequentados, característas de consumo e círculo de amigos. Se ficarmos atentos às milhares de postagens em blogs e microblogs cujo tornam notórias nossas opiniões, concluiremos o tamanho do poder dos dados presentes neste novo mundo e o que podem nos mostrar, quando bem aplicados.
.....................A melhor maneira de explorar o máximo das mídias sociais é conhecendo muito bem quem a usa frequentemente, seja qual for a finalidade. No Brasil, 87% do tempo online dos usuários é destinado a redes sociais, segundo pesquisa do Ibope Inteligência em parceria com a Worldwide Independent Network of Market Research (WIN). Esses dados colocam o país em décimo lugar entre os maiores usuários de sites como Orkut, YouTube, Twitter, Facebook, ou LinkedIn.
.....................Em razão desses altos índices, e da urgência deles, a mensuração das ações publicitárias dentro das redes sociais é um grande desafio do marketing digital justamente porque boa parte dos profissionais não adaptaram suas organizações ao comportamento social que move esse tipo de mídia.
.....................Um dos retornos que o maior investimento de empresas em pesquisas relacionadas a métricas na web é que na medida em que a efetividade dessas ações for comprovada, pode ocorrer uma abertura maior do mercado publicitário para mídias interativas. Hoje, cerca de 4% dos investimentos publicitários é destinado para a web. A porcentagem ainda é bastante baixa, se comparada a países como Estados Unidos e Inglaterra, e mesmo se comparada à disposição publicitária brasileira para a televisão, dona de cerca de 60% dos investimentos de acordo com a última pesquisa Mídia Dados.
.....................Embora ainda seja opcional a participação de um indivíduo neste novo cenário, o mesmo não se afirma para uma empresa, cujo tem obrigação de se manter envolvida e monitorar o que dizem a respeito da sua imagem, produto e/ou serviços prestados, seja por outras entidades privadas ou públicas, seja pelo seu público-alvo.
.....................Como o assunto é extenso, cada qual interessado pode aprofundar nesse estudo à sua maneira. Acho que agora respondo a várias perguntas que me fazem o do por que eu coloco fotos desse tipo retiradas do Orkut. É simples, como publicitário tenho que conhecer o comportamento dessa geração virtual tanto presente nos dias de hoje. É necessário eu conhecer essa linguagem para poder chamar a atenção e atingir meu público específico.
(Clique na Foto para Ampliar)
.



Nenhum comentário:

Ocioso Links Interessantes

Visite e Compartlhe a Fanpage